inspirado @ 16:44

Seg, 10/11/08

Podes tentar aquecer essa mãos frias

No calor do meu corpo

E quando te deitas ao meu lado.

Sussuro: " Amor, acorda-me mais tarde"

 

Mas na realidade não quero que pares

E como o sabes, isso não te faz parar.

 

Percorres com as mãos desde o meu pescoço ao meu peito.

 

Abre as janelas.

Quero deitar-me contigo, na luz do dia

Olhar-te nos olhos

Enquanto os raios de sol tocam o teu rosto e corpo.

 

Podia sentar-me por longas horas,

Descobrindo novas formas de admirar-te mais uma vez.

Porque a luz do dia parece querer-te

Tanto quanto eu desejo-te.





inspirado @ 14:39

Dom, 03/08/08

Estou precissamente à 1 ano, a enforcar o Cupido. Muita coisa já se passou desde então, a minha vida mudou radicalmente, talvez conte mais pormenores brevemente.

 

Enfim espero que venham muitos mais anos, e que continuem sempre a passar por cá

 

Beijos e Abraços




inspirado @ 14:20

Ter, 10/06/08

É verdade, depois de um mês sem novas actualizações estou de regresso ao trabalho aqui no blog que já completou 10 meses de existência.

Peço desculpa, pela minha ausência, sei que sentiram a minha falta, eu também senti falta de escrever, mas estou aqui novamente.

O verão está a chegar e é altura de coisas novas. Há muita coisa que quero contar e partilhar convosco.

 

1 beijo para todos.




inspirado @ 14:06

Qui, 24/04/08

Só para ficar registado
Devias saber
Que não pensaste
Quando me deixaste partir

Mas para mim tanto faz
Foi o que aconteceu
Ganha-se algo, perde-se alguma coisa

E os outros que fiquem com o coração

Porque é muito difícil
Destrói-me completamente
Embora não percebas isso
Não, não, não

De repente estás aqui

Porque quando olho nos teus olhos
Parece a primeira vez
Dá-me uma boa razão pela qual
Não posso voltar atrás
Não quero passar a minha vida
Pensando em como poderia ter sido
Se tentássemos outra vez


Vamos reescrever o final
Começar de novo

Porque quando olho nos teus olhos
Parece a primeira vez
Dá-me uma boa razão pela qual
Não posso voltar atrás
Não quero passar a minha vida
Pensando em como poderia ter sido
Se tentássemos outra vez


Para ficar registado
Tu serás sempre uma parte de mim
Não importa o que faças
Para ficar registado
Ninguém pode dizer
Que não dei o meu melhor por ti

Para ficar registado
Eu disse-te que sobre as estrelas
Tu me pertencias

E para ficar registado
É óbvio que
Não podemos libertar-mos um do outro,

Porque quando olho nos teus olhos
Parece a primeira vez
Dá-me uma boa razão pela qual
Não posso voltar atrás
Não quero passar a minha vida
Pensando em como poderia ter sido
Se tentássemos outra vez

Porque quando olho nos teus olhos
Parece a primeira vez
Dá-me uma boa razão pela qual
Não posso voltar atrás
Não quero passar a minha vida
Pensando em como poderia ter sido
Se tentássemos outra vez


 




inspirado @ 14:20

Qui, 03/04/08

Mais um mês acabou, outro acaba de começar, é mais para o blog que cresce a cada dia que passa, com todos nós.




inspirado @ 18:28

Qua, 26/03/08

Fecha os olhos, faz um pedido
Pode durar para sempre
Se apenas pudesses ficar comigo agora
Então diz-me o que nos separa se

Estás dentro da minha pele
Sim, estás dentro de mim 
Não, nunca poderei deixar-te ir
Fazes parte de mim.


Aprecio o sabor do teu beijo
E não quero saber a razão de não poder ficar assim para sempre
Agora estou a subir paredes porque sinto a tua falta
Segura a minha mão, guia a minha vida
Apenas não demore muito
E deixa-me sentir a tua dor
Há uma maneira de ficarmos juntos
Estás dentro da minha pele
É uma ilusão, como posso me sentir assim ?

É uma ilusão, nada é real.



música: Tiago Bettencourt - O Lugar
sinto-me:

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
25
26
27

28
29
30
31


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO