inspirado @ 14:12

Sex, 28/03/08

Sabes que pertencemos um ao outro
Sabe que estou certo
Então porque brincas com o meu coração?

Para sempre ?
Disse que nunca morreria ?
Como podes amar-me e abandonar-me
E nunca dizer adeus ?

Quando eu não consigo dormir à noite

Choro.
A dor na minha cabeça continua, eu preferia estar morto.

Chegamos ao fim da estrada
Ainda assim não consigo desistir de ti

Não é natural,  pertences-me, eu pertenço a ti

Chegamos ao fim da estrada

Eu sei que realmente amas-me
Apenas não percebes
Nunca passaste por isto antes
É apenas a tua primeira vez.

Talvez eu te perdoe,
Nós devíamos ser felizes juntos
Para sempre, tu e eu

Podes amar-me novamente como me amavas antes?
Desta vez eu quero que me abraçes.


Embora tenhamos chegado ao fim da estrada
Não consigo desistir de ti
Não é natural, pertences-me e eu pertenço-te
Chegamos ao fim da estrada

Estou aqui por ti

Todos aqueles momentos da noite, quando apenas magoavas-me
Não serviram para saberes que te amo.


O meu coração está solitário
Doi
Eu também sinto dores.

Embora tenhamos chegado ao fim da estrada
Não consigo desistir de ti
Não é natural, pertences-me e eu pertenço-te
Chegamos ao fim da estrada



sinto-me:
música: Nick Lachey - What's Left Of Me

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

16
17
19
20
21
22

29

30
31


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO