inspirado @ 21:50

Qui, 20/09/07

O amor é um estado de graça
Que salvou um infeliz como eu.
Estive perdido, mas agora fui encontrado
Estava cego, mas agora eu vejo.

Foi a graça que ensinou meu coração a tremer
E a graça aliviou os meus medos.
Como foi precioso o aparecimento deste estado de graça
A primeira vez que eu amei.

Entre muitos perigos, labirintos e armadilhas
Que eu vivi;
A comunicação entre os nossos corações salvou-me
E a graça vai acompanha -me a casa.

O amor é um estado de graça
Que salvou um infeliz como eu.
Estive perdido, mas agora fui encontrado
Estava cego, mas agora eu vejo.

Estive perdido, mas agora fui encontrado
Estava cego, mas agora eu vejo...

 

 

 



Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

16
17
18
22

23
24
25
28

30


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO